Construção
3 de Fevereiro de 2021

Acabamento perfeito da pintura de paredes: veja como fazer!

Quer saber como realizar um acabamento de pintura de parede perfeito e oferecer melhores resultados ao cliente? Leia o post e saiba mais!

Tempo de leitura:

Fechou um serviço com o cliente, mas quer dar aquele capricho especial e surpreender com o resultado? Então, a dica é focar o acabamento de pintura de parede. Isso faz a diferença na entrega de um trabalho bem-feito.

Mas afinal, o que realmente permite um acabamento impecável de pintura e o que é preciso saber para não pisar na bola e evitar entregar um resultado mais ou menos ao contratante?

Para explicar melhor as vantagens dessa etapa e mostrar, na prática, alguns conselhos úteis que fazem toda a diferença no trabalho do pintor, nós resolvemos preparar um miniguia básico e essencial sobre como realizar um acabamento perfeito de pintura de parede 

Então, sem mais delongas, bora direto às dicas! Anota aí! 

Quais são os cuidados para garantir uma pintura e acabamento de qualidade? 

A seguir, a gente separou quase que um passo a passo de tudo o que um pintor profissional deve levar em consideração ao fechar um negócio de pintura com o cliente. São esses os conselhos!

Saiba quais equipamentos serão necessários 

Na hora de fazer a cotação de pintura e acabamento, certamente você vai visitar o local primeiro. Nessa hora, faça uma avaliação mais técnica das paredes para saber realmente o que vai precisar como material.

Em outras palavras, analise se a parede tem algum tipo de textura, infiltração, incorreções etc. E, a partir disso, já liste todos os materiais que vai precisar utilizar, tanto para evitar surpresas depois para o cliente e aumentar o preço, como para não gastar tempo e trabalho, porque não se planejou bem.

Ou seja, saiba quais lixas serão necessárias, quanto de argamassa, que tipo de tinta, a quantidade estipulada etc. 

Prepare o local 

Feito o planejamento adequado, hora de colocar a mão na massa (literalmente). Mas para isso, capriche na limpeza e organização do local. Isso inclui, por exemplo, proteger as partes como chão, quinas e rodapés, isolar móveis ou objetos que podem sujar, organizar os equipamentos em local adequado e seguro, utilizar bandeja de tintas etc.

Lixe a parede corretamente 

Com o local preparado, lixe a parede de acordo com as necessidades da superfície, por exemplo, para retirar a tinta anterior, nivelar incorreções ou aplicar uma nova camada de massa. Para isso, é importante saber escolher bem os tipos de lixa para acabamento de pintura de parede. 

De uma forma geral, a lixa de massa A257 é ideal para um trabalho para acabamento e pode ser aplicada a seco, dispensando o tradicional costume dos pintores de molhar a folha para tornar o trabalho mais fácil.

Analise a categoria da tinta 

Superfícies niveladas, hora de dar mais cor ao ambiente. Mas além de passar o rolo, é importante analisar o tipo de tinta a ser usado e a sua categoria. Por exemplo, há tintas acrílicas, impermeáveis, superlaváveis, antimofo, esmalte, epóxi etc.

Isso pode variar de acordo com o ambiente trabalhado (se é pintura de ambiente externo, fechado, arejado etc.) ou mesmo pela preferência do cliente. Sendo assim, faça uma avaliação técnica, compartilhe seu conhecimento com o contratante e escolha uma opção mais adequada para o local.

Enfim, essas são algumas dicas de como fazer um acabamento de pintura de parede de forma adequada e mais satisfatória para o cliente. Afinal, o capricho do serviço depende muito de detalhes, que são importantes e requerem conhecimento técnico, o que muitos profissionais do mercado não zelam e, portanto, não se destacam. 

Gostou? Quer saber mais dicas práticas sobre que tipo de lixa e materiais usar em um determinado serviço? Então, consulte nossa equipe de especialistas e deixe suas dúvidas com a gente!

Comentários