Construção
24 de Março de 2021

Limpeza de ferramentas de pinturas: veja como fazer e armazenar

Não sabe como fazer a limpeza de ferramentas de pintura? Então, veja o post que preparamos para você e deixe o seu trabalho ainda melhor!

Tempo de leitura:

Você sabia que, para garantir efeitos melhores em uma obra, não basta saber utilizar os materiais e acessórios corretos? Muito além disso, é preciso entender a importância da limpeza de ferramentas para conservar os itens usados na obra.

Ao ter esse cuidado, é possível aumentar a durabilidade desses materiais e ainda promover um resultado mais eficiente. Assim, você não apenas apresentará resultados satisfatórios aos clientes, como poderá otimizar a entrega e economizar bastante.

E para ajudar, vamos compartilhar com você quais são os métodos que devem ser seguidos daqui para frente para fazer uma boa pintura e, até mesmo, quais são as ferramentas que merecem uma atenção redobrada. Confira!

Pincel

O pincel é, certamente, a ferramenta mais utilizada durante um serviço de pintura. Mas a sua limpeza depende do tipo de tinta que foi usada ao longo das obras. Em geral, os componentes à base de água são bem mais fáceis de eliminar; já aqueles à base de solvente necessitam de uma manutenção reforçada.

De qualquer maneira, é importante realizar a higienização do acessório rapidamente logo após finalizar o serviço. Confira o passo a passo para cada situação.

Pincel com tinta à base de solvente:

  • adicione um pouco de solvente em um recipiente;
  • depois, mergulhe o pincel ainda sujo no componente;
  • realize movimentos de forma circular para que a tinta vá soltando aos poucos;
  • mergulhe as cerdas em uma mistura formada por água e detergente;
  • siga essas recomendações até limpar o utensílio por completo.

Pincel com tinta à base de água:

  • em água fria, enxágue muito bem as cerdas do pincel até eliminar o excesso de tinta;
  • mergulhe o acessório em uma mistura de água quente e detergente;
  • se a tinta não sair, vá massageando as cerdas com uma pequena quantidade de thinner ou aguarrás. Lembre-se de usar luvas nesta etapa;
  • enxágue mais uma vez o pincel;
  • deixe a ferramenta secar naturalmente, na sombra.

Rolo para pintura

Quando falamos sobre a limpeza de ferramentas, não podemos esquecer do rolo de pintura. Aqui, será preciso reservar um balde de tamanho grande, sabão, solvente e algumas folhas velhas de jornal. É bem fácil!

  • no jornal, vá esfregando o rolo para retirar um pouco da tinta;
  • em paralelo, prepare uma mistura composta por detergente e água morna;
  • retire a "camisa" presente no suporte do colo e, depois, a mergulhe no próprio balde;
  • com as mãos, aperte o item até que a tinta seja eliminada;
  • coloque a "camisa" de volta no suporte e vá girando o rolo. Esse processo deve ser feito com agilidade;
  • por fim, passe um pano seco de limpeza para reduzir a umidade do acessório;
  • posicione o rolo em um local com sombra e deixe que ele seque naturalmente.

Broxa

Não faz ideia de como higienizar a broxa? Tudo bem! De acordo com os profissionais do ramo, o ideal é começar eliminando o excesso de componentes aplicados. Dependendo da fórmula dos produtos, será preciso somente lavar o acessório com água e sabão.

Mas nos casos mais difíceis, o uso de um solvente é a melhor saída. Com tudo pronto, limpe bem os fios e retire o excesso de água — a sua única missão é ir espremendo as cerdas com precisão. Quando finalizar, deixe a broxa secar e, se possível, a mantenha em um espaço bem arejado.

Pás e colheres de pedreiro

Por último, vamos aprender como limpar as pás e colheres de pedreiro. Com os itens em mãos, vá retirando todos os resíduos presentes no acessório. Você pode higienizar as ferramentas utilizando um detergente neutro, ou então, sabão e água corrente.

Antes de terminar, seque cada peça com a ajuda de um pano seco e guarde-as em um ambiente próprio para essa finalidade. Também é necessário que o espaço seja seco e arejado, evitando a oxidação dos utensílios.

Para prolongar a proteção e prestar um atendimento ao cliente completo, a aplicação de uma camada fina de óleo protetivo é muito bem-vinda.

Viu só? Com essa leitura, temos certeza de que você fará corretamente a limpeza de ferramentas de pintura, melhorando todas as suas entregas em curto prazo.

Quer continuar explorando o universo da construção? Aproveite para assinar a nossa newsletter exclusiva e conferir outros materiais valiosos para o seu trabalho!

Comentários