Se você lembra das aulas de química, sabe que os objetos metálicos têm suas semelhanças e diferenças. Por isso, podem apresentar diversas finalidades. O aço e o ferro, por exemplo, são parecidos na superfície mas têm aplicações distintas. 

Por isso, é comum surgirem dúvidas sobre suas vantagens e desvantagens, forma de produção e uso na prática. Afinal, qual escolher? Aço ou ferro, qual é mais resistente?

Calma! Para ajudar você, preparamos esse texto para tirar as suas dúvidas e auxiliar a sua escolha quando precisar de uma solução metálica. Acompanhe com a gente!

O que é o aço?

Para começo de conversa, o aço é uma liga de ferro unida a outros elementos químicos — como o carbono — que melhoram sua propriedade mecânica, como a resistência à tração e à torção.

Por isso, quando alguém lhe perguntar “aço ou ferro, qual é mais resistente”, você pode responder com tranquilidade: o aço. Ou seja, por não ser 100% feito de um mesmo material, o aço se torna mais forte.

Quer conhecer outras vantagens? O aço é resistente à corrosão, apresenta mais facilidade para o manuseio e transporte, além de ser menos agressivo ao meio ambiente. 

O aço pode ser utilizado de várias maneiras porque é adaptável. Por isso, tem diferentes aplicações na construção civil, nas indústrias, na montagem de equipamentos e muito mais.

Saiba também que a aplicação do aço vai depender da taxa de carbono presente nele: alto, médio ou baixo. Isso porque essa proporção influencia na sua “dureza”: quanto mais carbono tiver, mais duro será.

Mas a dureza do aço não está relacionada à sua qualidade, e sim à funcionalidade. Por exemplo, diferentes tipos de aço podem ser usados para a construção de ferramentas, chapas, telhas, estruturas e etc. Ou seja, a aplicação é que dita qual o melhor aço.

Agora, anote aí os principais tipos de aço:

  • ferro-carbono;
  • aço inoxidável;
  • aço rápido;
  • aço galvanizado;
  • aço de Alta Resistência e Baixa Liga (ARBL).

O que é ferro?

O ferro é um elemento químico puro, que está presente de forma abundante na natureza. Na prática, é o minério de ferro que é empregado na produção do ferro comercial.

Composto por ferro e hematita, esse minério pode ser misturado a outros componentes. Depois, é submetido a temperaturas bem elevadas a fim de eliminar o oxigênio. Aí sim, o ferro fundido está pronto para uso, e os mais comuns são o cinzento e o nodular.

Contudo, o ferro é um material pesado, de difícil manuseio e transporte, além de não apresentar resistência à corrosão. Pensando nessas desvantagens é que foi criado o aço, que possui mais resistência e maleabilidade. 

Também dá para personalizar essa liga metálica de acordo com o seu objetivo de uso, que pode ser feita em diferentes proporções.

Entre aço e ferro, qual é mais resistente?

As dúvidas sobre esses elementos podem surgir em situações do dia a dia, como quando precisamos de um serviço que esteja direta ou indiretamente ligado a esses materiais. Por exemplo:

Independentemente da situação, a resposta é simples: o aço é mais resistente. Mas por quê? Confira os detalhes a seguir.

Quais são as diferenças entre o aço e o ferro?

Apesar de esses elementos terem várias diferenças, muitas vezes elas passam despercebidas porque não pensamos bem nas características de cada tipo de metal.

Normalmente só categorizamos os metais em ferrosos e não ferrosos. No entanto, as diferenças entre o aço e o ferro vão desde a composição química, a resistência, as aplicações e até o preço. Vamos explicar a seguir.

Composição química

Essa é a principal diferença entre os dois elementos. O ferro (Fe) é um elemento químico da tabela periódica, portanto puro. Já o aço é formado a partir de uma liga metálica composta de ferro (Fe) e carbono (C), entre outros.

Resistência

A peça de ferro puro é frágil e não serve para grandes estruturas. De modo geral, o aço conta com a vantagem de receber elementos de liga que aumentam a sua resistência, como o cromo (no caso do aço inoxidável). Além disso, o aço é mais maleável e adaptável para diferentes aplicações.

em relação ao desgaste mecânico, o ferro sai em vantagem, principalmente em situações de desgaste por fricção. Isso porque ele conta com uma quantidade de grafite que funciona como um lubrificante seco. Dessa forma, as superfícies sólidas podem deslizar sem prejudicar a qualidade da superfície.

O aço, por sua vez, se desgasta mais fácil do que o ferro, mas apresenta mais resistência a certos tipos de abrasão

Quando falamos de impacto, o aço se destaca. Ele é excelente para suportar diferentes tipos de impactos sem entortar, deformar ou quebrar. Isso acontece por causa da sua capacidade de suportar altas tensões e forças de deformação, característica nomeada como tenacidade.

Aplicações

O ferro puro não é recomendado para a construção de casas e outros edifícios por conta da maior possibilidade de corrosão. No entanto, seu uso é mais eficiente na fabricação do aço.

Já a liga metálica composta por aço pode ser utilizada nas mais diferentes construções estruturais (edifícios) e meios de transporte, como barcos e carros.

Preço

Se você já fez alguma pesquisa sobre o preço desses elementos, descobriu que o aço é mais caro do que o ferro. Isso acontece porque se trata de uma manipulação de dois ou mais elementos, formando uma liga metálica. Logo, o valor do produto final é mais elevado se comparado ao ferro.

É importante destacar que existem variedades diferentes de aço e ferro. Além disso, a resistência de cada material pode variar dependendo de sua composição química e de como ele é produzido. Portanto, considere as especificações do material e as condições de uso antes de decidir qual usar em uma aplicação específica.

Agora que você terminou de ler o texto, responda: aço ou ferro, qual é mais resistente? Muito bem, o aço! Agora, você já sabe diferenciá-los para facilitar as suas escolhas dependendo de como for usar cada um. Dessa forma, quando você necessitar de uma solução metálica, sua decisão será mais precisa, inteligente e acertada.

Gostou das informações? Então, assine a nossa newsletter e acompanhe outros assuntos do seu interesse!

Show Full Content

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back
Close

NEXT STORY

Close

Quer saber qual o melhor disco de corte para a sua loja? Veja aqui!

julho 23, 2024
Close