Embora essa indústria represente uma parcela significativa na economia do país, o desperdício na construção civil é algo preocupante, com números elevados. Até mesmo um segmento com essa importância executa o seu serviço com diversas falhas no planejamento.

Por isso, é necessário que as empresas se preocupem mais com esse tipo de problema. Afinal, esse desperdício prejudica o orçamento da obra, afetando a qualidade das atividades e o prazo de entrega do projeto.

Você vai aprender, neste post, quais são os tipos de desperdício, as principais causas e consequências, além de saber como evitar essa situação. Confira!

Quais os tipos de desperdício?

Os desperdícios na construção civil acontecem em diferentes áreas, de diversas formas. Veja, a seguir, alguns dos principais tipos de perdas que ocorrem nos projetos.

Desperdício de material

Com certeza, esse é um dos desperdícios na construção civil que vêm à mente primeiro quando o assunto é abordado. Entretanto, nem sempre é possível saber as consequências disso, pois na maioria das vezes, o cálculo sequer é feito. Entre as principais perdas, podemos citar:

  • tijolos;
  • sobras de madeira;
  • cimento;
  • areia;
  • aço;
  • telhas.

Máquinas e equipamentos

Além dos materiais, podem acontecer perdas também por improdutividade de equipamentos e máquinas. Esse desperdício na construção civil pode ocorrer por diversos fatores, começando pelo planejamento da frota.

Alugar máquinas em número superior do que o necessário traz prejuízos, já que várias delas podem ficar paradas. Além disso, locações em número menor também pode ocasionar problemas, uma vez que a obra estará sujeita a paralisações.

Desperdício de mão de obra

O desperdício na construção civil da mão de obra está ligado com a falta de planejamento. Isso pode ser observado na ociosidade dos profissionais. Não é raro que trabalhadores fiquem sem atividades ao longo da construção de um empreendimento, mostrando que o processo de contratação não foi realizado em conjunto com a gestão de obra.

Desperdício financeiro

Podemos dizer que o desperdício financeiro, na verdade, é consequência imediata de todos os pontos abordados até aqui. Seja por mão de obra, seja por equipamentos ou materiais, todas essas perdas causam diminuição do valor total obtido via contrato quando a obra é concluída. É dessa forma que, no final das contas, a construção de um empreendimento gera menos lucro que o esperado no início.

Quais as causas do desperdício na construção civil?

Vimos que existem diversos tipos de desperdício na construção civil, no entanto, é necessário entender quais são as principais causas que geram esse problema. A seguir, confira esses motivos.

Falha na comunicação

Quando as diferentes áreas no projeto não se comunicam e nem colaboram entre si, a obra fica mais suscetível à falta de informação e mal-entendidos. Isso resulta em perda de dinheiro e tempo.

Planejamento inadequado

Sem um bom planejamento, a obra fica sem direcionamento, aumentando consideravelmente as chances de retrabalhos e erros. Isso acaba gerando custos extras e desperdícios.

Falta de capacitação da equipe

Sem a devida preparação, os colaboradores envolvidos na obra podem gerar uma série de falhas que, consequentemente, causam prejuízos.

Quais as consequências?

O desperdício de materiais impacta diretamente o orçamento da obra. A perda de equipamentos exige que novas ferramentas sejam compradas para executar uma mesma atividade. Enquanto aguarda por esses recursos, a mão de obra não consegue produzir, tendo que ficar parada, esperando uma nova entrega.

Isso influencia a produtividade da obra, já que o tempo planejado para aquele serviço não é obedecido. Construções que desperdiçam materiais são ineficazes, e isso é um ponto prejudicial para a imagem da empresa responsável pelo projeto.

Além disso, uma obra que desperdiça material de construção não é sustentável, sendo impedida de conquistar certificações e prêmios, tendo a imagem da empresa prejudicada. Isso faz com que ela perca parcerias com outros negócios e não seja chamada para projetos que envolvem sustentabilidade e licitação.

Como evitar o desperdício na obra?

Certos hábitos podem ajudar a reduzir e, até mesmo, acabar com o desperdício de materiais na construção civil. Ter um planejamento eficiente e a conscientização dos trabalhadores envolvidos contribuem pra diminuir as perdas de produtos. Veja, agora, as principais formas de evitar esse problema.

Faça um planejamento

Sem dúvida, essa é a principal forma de impedir o desperdício na construção civil. Infelizmente, muitos gestores não consideram esse um fator tão importante, e não elaboram um planejamento suficientemente bom para que seja aprovado pela diretoria. Isso costuma ter uma conta bem elevada.

O custo de um empreendimento pode ter um valor bem alto se não houver um bom planejamento. Para evitar esse problema, não basta ter todas as etapas bem definidas no papel. É necessário dimensionar bem o time, calcular corretamente o período de locação de equipamentos e máquinas e estudar a logística de fornecimento de materiais.

Tenha uma boa logística

A gestão correta dos processos logísticos é fundamental nessa lista, já que trata de aspecto imprescindível ao andamento de uma obra. Muitos materiais têm um índice de consumo bem elevado, ao mesmo tempo que o prazo para sem usados é reduzido, como é o caso do cimento.

Dessa forma, fazer o gerenciamento adequado da logística de uma obra significa diminuir custos. Se a organização for eficiente, os materiais podem ser entregues perto de seu consumo. Isso impede esforços no sentido de armazenar os produtos, contribuindo para a diminuição do risco de perdas.

Tenha bons fornecedores

Escolher bons fornecedores é fundamental para garantir a boa utilização dos recursos. Para ter uma noção da importância disso, basta pensar em uma gestão que favorece apenas o preço, obtendo materiais de segunda linha.

Nessas situações, os retrabalhos podem ser excessivos, já que os insumos têm alto índice de rejeitos. Para fazer as correções necessárias, é preciso adquirir mais materiais e alocar de novo a mão de obra no serviço. Em outras palavras, as perdas ocorrem duas vezes, e isso não é nada bom.

Utilize a tecnologia

Um ótimo parceiro no combate ao desperdício é a tecnologia na construção civil. Atualmente, existem várias soluções para lidar com diferentes problemas enfrentados no setor.

Um bom exemplo disso são os sistemas integrados. São softwares computacionais responsáveis por guiar a execução de uma obra. Além disso, é possível fazer a utilização de drones, impressões 3D e metodologia BIM. Tudo isso contribui para aumentar a eficiência dos processos construtivos, diminuindo perdas.

Como podemos perceber, é possível evitar o desperdício na construção civil com um planejamento adequado e um monitoramento eficiente, reduzindo os prejuízos financeiros e assegurando a execução de um empreendimento sustentável.

Agora que você já conhece mais sobre o assunto, aproveite e descubra também como fazer o correto descarte de entulho de obra!

Show Full Content

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back
Close

NEXT STORY

Close
Sem categoria

Como evitar as microfissuras, fissuras, trincas e rachaduras na parede na construção civil?

janeiro 13, 2022
Close